• Zé Ricardo (TrEiNoPeT)

BRINCADEIRA DE LUTA ENTRE CÃES



Quando dois cães estão brincando, a maioria das pessoas tem dificuldade em distinguir uma brincadeira aceitável de uma brincadeira que merece uma intervenção. Uma brincadeira aceitável pode parecer violenta para algumas pessoas, ou dar a impressão de que um dos cães está intimidando o outro. Isso acontece porque muitas brincadeiras envolvem rosnar, morder e até um cão colocar o outro no chão. De fato, certas brincadeiras, ainda que aceitáveis, podem parecer e soar muito ferozes. O que realmente faz toda a diferença é a resposta do companheiro de brincadeira. Em geral, as brincadeiras devem ser permitidas quando os dois cães estiverem se divertindo. Frustrar a necessidade de brincar do seu cão, intervindo toda vez que ele brincar de luta com outro cão, ainda que seja uma brincadeira bruta, pode levar a outros problemas de comportamento. O problema é quando um dos dois cães não estiver gostando da interação. O cão mais acanhado pode apresentar vários sinais de apaziguamento e deferência, mas o cão intimidador ignora tais sinais. O molestamento continua ou se torna mais intenso. Sempre que for visível que um dos participantes da brincadeira não está se divertindo, a sensatez manda intervir. Uma experiência traumática (bem como um conjunto de algumas experiências suficientemente desagradáveis) pode arruinar a confiança do cão mais acanhado, o que pode resultar na famigerada "reatividade" (comportamento agressivo resultante de medo), que pode persistir pelo resto da vida.

Alguns cães intimidadores parecem ter saído de fábrica assim, sugerindo que pode haver um componente genético por trás desse temperamento. Entretanto, o comportamento de "bullying" também pode ser aprendido. O próprio ato de assediar um cão sem o consentimento deste é reforçador para cães que apresentem esse temperamento.


Sabidamente, um comportamento que é reforçado continua ou aumenta – daí a importância de intervir no intimidador o quanto antes, em vez de permitir que o comportamento se torne cada vez mais arraigado. Como na maioria das modificações de comportamento, o prognóstico é mais promissor se o cão for jovem, se ele não teve muita chance de praticar o comportamento indesejado e se ele não foi repetidamente bem sucedido ao praticá-lo.

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

(21) 99909-8095

©2019   TrEiNoPeT.CãO.bR

Todos os Direitos Reservados